Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

14 Julho de 2020 | 15h30 - Actualizado em 14 Julho de 2020 | 17h34

Avaria na barragem da Matala força restrições na Huíla

Lubango - Uma avaria registada na turbina nº1 da Central Hídrica da Barragem da Matala, no fim-de-semana, reduziu a potência de geração 68 para 48.6 megawatts, provocando restrições no fornecimento de energia na província da Huíla.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Pormenor da cidade do Lubango à noite

Foto: Morais Silva

Mais de 20 bairros estão afectados pelas restrições feitas entre as 07h30 minutos às 23 horas, de forma intercalada, afectando, com realce, a sede da comuna da Arimba e os bairros Nambambe, Lucrécia, Mitcha, Laje, Santo António, Ferrovia, Calumbiro, Comercial, Tchavola, Mapunda, Tchioco, sede da Humpata e comuna do Tchivinguiro. 

Actualmente, os municípios da Matala, Lubango, Chibia, Quipungo e Humpata recebem energia da Barragem da Matala, produção reforçada com duas centrais térmicas, a do Lubango e a do Namibe.

O director regional da Rede Nacional de Transporte de Electricidade (RNT), Júlio Job, frisou tratar-se de um problema já registado há três semanas, mas que voltou a suceder.

Avançou que, neste momento, para a cidade do Lubango, estão a disponibilizar 48.6 megawatts, quando o o normal seria 68.

Infomou que, neste momento, estão a trabalhar para a melhoria da máquina avariada e revisar as outras duas em funcionamento. As previsões apontam para dentro de quatro dias restabelecer a geração e o fornecimento normal.

A problemática na produção de energia na Huíla é crónica. Data de há mais de 20 anos, sendo que a principal fonte é a barragem da Matala, com capacidade de 39 megawatts, mas tem produzido abaixo disso, devido a avarias e ao assoreamento da albufeira.

A barragem da Matala, situada no mesmo município, 180 quilómetros a leste do Lubango, existe desde 21 de Outubro de 1959.

Assuntos Energia   Província » Huíla  

Leia também
  • 14/07/2020 14:47:57

    Huíla: Igreja quer restos mortais de Dom Franklin na Sé Catedral

    Lubango - A Arquidiocese do Lubango vai, ainda este ano, levar os restos mortais de Dom Manuel Franklin da Costa, à Sé Catedral local, a pedido dos fiéis, pelos seus feitos no seio da comunidade católica e da sociedade huilana.

  • 14/07/2020 06:31:27

    Comunidades san alteram hábitos seculares

    Luanda - Habituados a viver em áreas inóspitas do Sudoeste de África, longe das cidades e das novas tecnologias, as comunidades san conservam tradições seculares há mais de 100 mil anos.

  • 11/07/2020 11:19:36

    ADRA instala reservatórios de água nos Gambos e Humpata

    Lubango - Vinte e cinco cisternas, com capacidade para armazenar 62 mil litros de água cada unidade, estão a ser construídas nos municípios dos Gambos e da Humpata, província da Huíla, pela Organização Não Governamental ADRA, para minimizar os efeitos da seca.