Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Sociedade

09 Abril de 2020 | 20h47 - Actualizado em 09 Abril de 2020 | 21h03

Governo limita venda ambulante

Luanda - O Governo determinou, nesta quinta-feira, que a venda ambulante e nos mercados informais sejam feitas, a partir de 11 de Abril, apenas três vezes por semana.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

vendedoras ambulantes na cidade de Luanda (arquivo)

Foto: Francisco Miudo

Assim, os produtos essenciais serão comercializados apenas terça-feira, quinta-feira e sábado.

A medida, que resulta da prorrogação do Estado de Emergência no país, por mais 15 dias, visa reduzir a circulação massiva de pessoas nas ruas, até ao dia 25 de Abril.

Segundo o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, nesse regime de excepção os mercados paralelos poderão abrir no período das 08h00 às 13h00, enquanto as superfícies comerciais funcionarão entre às 8h00 e as 16h00.

Conforme o governante, que falava na conferência de imprensa de actualização dos dados relativos à covid-19 em Angola, nos dias em quem não houver comércio, os responsáveis dos mercados informais deverão higienizar e organizar os espaços de venda.

Nesta quinta-feira, o Presidente da República, João Lourenço, decretou a prorrogação do Estado de Emergência, que vigora desde 27 de Março último, por mais 15 dias.

O período começa às 00h00 do dia 11 de Abril e termina às 23h59 do dia 25 do mesmo mês. Com vista a conter a propagação da covid-19, está interdita a circulação e permanência de pessoas na via pública e a comercialização de produtos não essenciais.

Na vigência do regime de Estado de Emergência, a violação da quarentena obrigatória constitui crime de desobediência.

Angola já tem 19 casos positivos confirmados, dos quais dois recuperados e duas mortes.  

Assuntos Angola  

Leia também
  • 09/04/2020 17:53:17

    Viana recebe mais de 19 toneladas de cesta básica

    Luanda- A administração municipal de Viana recebeu hoje, quinta-feira, mais de 19 toneladas de cesta básica para apoiar famílias vulneráveis durante à pandemia do covid-19.

  • 09/04/2020 12:37:46

    Angola apoia cidadãos retidos no exterior

    Luanda - O ministro de Estado e Chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Pedro Sebastião, assegurou, nesta quinta-feira, que os cidadãos angolanos retidos no exterior do país, devido o Estado de Emergência em Angola, estão todos sob controlo.

  • 06/04/2020 23:03:06

    Telecomunicações e Comunicação Social fundem-se

    Luanda - O engenheiro Manuel Homem foi nomeado, nesta segunda-feira, ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social.