Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

20 Março de 2020 | 20h35 - Actualizado em 20 Março de 2020 | 20h35

Covid -19: Joana Lina realça envolvimento massivo das igrejas

Huambo - A governadora da província do Huambo, Joana Lina, realçou, esta sexta-feira, a importância do envolvimento massivo das igrejas no reforço das medidas de prevenção contra o Covid-19 (novo coronavírus).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A governante realçou o facto durante um encontro com líderes de algumas denominações religiosas na província do Huambo, com os quais analisou aspectos sobre a situação epidemiológica nesta região e o impacto da doença no mundo.

Na ocasião, disse que as igrejas devem reforçar o apelo por uma mensagem sobre os métodos de prevenção.

Segundo Joana Lina, neste momento em que o mundo enfrenta os desafios de contrapor os impactos negativos da doença, é fundamental que as igrejas, dentro do seu papel social, contribuam significativamente na consciencialização dos cidadãos sobre a necessidade do cumprimento das orientações para se prevenirem da mesma.

Disse que estas instituições, enquanto parceiras do Estado, devem reassumir o seu compromisso com a Nação, ajudando, deste modo, na busca e implementação das medidas certas que visam, essencialmente, a protecção das vidas humanas, como bem maior.

Além das igrejas, a governadora disse esperar igualmente o envolvimento de outras forças vivas da sociedade da província na conjugação de esforços, para evitar que a doença, através do cumprimento das medidas preventivas.

Sobre a situação da província, informou, na ocasião, não existir nenhum caso confirmado à semelhança de todo o país.

A governadora Joana Lina precisou que o Governo da província, através da comissão multissectorial, criada para o efeito, está a desenvolver acções no sentido de garantir as condições objectivas e humanas para o atendimento de eventuais casos.

Com um Sistema de Saúde constituído por 248 médicos, três mil e 639 enfermeiros, 467 técnicos de diagnósticos e terapeuta, assim como 825 administrativos, além de outros profissionais indispensáveis para o seu normal funcionamento, na província do Huambo foi instalado quinta-feira o primeiro posto fixo de controlo ao Covid-19 na estação principal do Caminho de Ferro de Benguela (CFB.

De igual modo, decorrem as obras de requalificação do espaço definido para internar eventuais pacientes afectados com esta pandemia (novo coronavirus).

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 19/03/2020 21:15:47

    Covid-19: Instalado primeiro posto fixo de controlo no Huambo

    Huambo - Um posto fixo de controlo ao Covid-19 (novo coronavírus) foi instalado esta quinta-feira, na estação principal do Caminho-de-Ferro de Benguela (CFB), na cidade do Huambo, pelas autoridades do planalto central, para prevenir o risco de contágio desta pandemia.

  • 10/03/2020 14:55:52

    Ordem intensifica acções no combate ao exercício ilegal da enfermagem

    Huambo - A Ordem dos Enfermeiros de Angola está a apostar, desde o início do ano, na formação de técnicos para a avaliação dos serviços prestados por estes nas unidades sanitárias, conforme as exigências deontológicas da carreira.

  • 06/03/2020 22:25:24

    Autoridades controlam surto da conjuntivite hemorrágica

    Huambo - O director do Gabinete da Saúde na província do Huambo, Lucas António Nhamba, afirmou hoje, sexta-feira, estar controlado o surto da conjuntivite hemorrágica no planalto central.