Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Saúde

15 Novembro de 2019 | 18h04 - Actualizado em 18 Novembro de 2019 | 10h35

Secretária de Estado pede adesão à campanha de vacinação

Luanda - A secretária de Estado da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Ruth Mixinge, apelou hoje (sexta-feira) em Viana, às famílias para aderirem de forma massiva à campanha de vacinação contra a poliomielite.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Abertura da campanha nacional de vacinação contra a poliomielite (Arquivo)

Foto: Cedida

O apelo foi feito na abertura da campanha de vacinação contra a pólio, tendo Ruth Mixinge afirmado que se as famílias participarem nas vacinas de rotina e nas campanhas organizadas pelo Ministério da Saúde ajudarão a reduzir várias doenças.

Presente no acto, o administrador de Viana, Fernando Eduardo Manuel, assegurou que estão criadas as condições para que a vacina possa chegar em todas as áreas onde existem crianças menores de 5 anos.

Por seu turno, o director do Gabinete Municipal da Saúde Viana, Abreu Pecamena, disse que durante os três dias de campanha, o município vai contar com dois mil 511 voluntários, desde técnicos da saúde, mobilizadores, registadores, efectivos do exército,  Polícia Nacional, bombeiros  e escuteiros.

No município do Cazenga, os distritos de Kima-Kieza, Calwenda e 11 de Novembro são os que mais dificuldades enfrentam para a realização da campanha de vacinação, devido a dificuldades nos acessos.

Para o êxito da campanha, foram recrutados vacinadores locais que conhecem bem as zonas de difícil acesso, para que nenhuma criança fique sem a vacina.

O director municipal da Saúde,  Zola Messo, disse que esses distritos terão maior atenção, para que se consiga atingir o número de crianças que por qualquer motivo não podem ir ao encontro dos vacinadores.

"Não recrutamos vacinadores que não sejam  dessas localidades. Os que participam na campanha conhecem as condições  e sabem ultrapassar as dificuldades", disse.

Segundo o responsável, o Cazenga prevê vacinar 276 mil 671 crianças, cifra não  alcançada  na Ronda Zero.


 

Leia também
  • 15/11/2019 15:23:33

    Registados mais de 40 casos de pólio em Angola

    Luanda - Quarenta e quatro casos de poliomielite foram registados, este ano, em Angola, confirmou hoje (sexta-feira), a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, na abertura da Primeira Ronda de vacinação, no bairro Monte Belo, município de Cacuaco, em Luanda.

  • 14/11/2019 16:27:16

    Mais de 361 mil crianças por vacinar em Cacuaco e Kilamba Kiaxi

    Luanda - Os municípios de Cacuaco e do kilamba kiaxi, província de Luanda, prevêm imunizar 361 mil 623 crianças dos zero aos cinco anos, durante os três dias de campanha de vacinação que começa no dia 15, sexta-feira.

  • 14/11/2019 12:44:09

    Viana prevê vacinar mais de 350 mil crianças contra pólio

    Luanda - Trezentas e setenta e seis mil crianças (376 mil) é a cifra que se prevê atingir durante a campanha de vacinação contra a poliomielite no município de Viana, a decorrer de 15 a 17 do mês em curso.