Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

02 Julho de 2020 | 20h40 - Actualizado em 03 Julho de 2020 | 12h29

Luzia Inglês assume desafios na OPM

Luanda - A secretária regional da Organização Pan-Africana da Mulher (OPM) para Africa-Austral, Luzia Inglês Van-Dúnem "Inga", garantiu nesta quinta-feira, em Luanda, que, durante o seu mandato, vai empenhar-se no contínuo empoderamento das mulheres da região e do continente.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A também secretaria-geral da Organização da Mulher Angolana (OMA) defendeu tal posição durante a cerimónia de tomada de posse no cargo a que foi eleita em Fevereiro último, em substituição de Carolina Cerqueira, actual ministra de Estado para a Área Social.

Em declarações à imprensa, Luzia Van-Dúnem assumiu que fará um trabalho de continuidade durante o seu mandato de cinco anos, destacando o problema da diferenciação social de forma geral.

Já Carolina Cerqueira disse que a sua sucessora vai encontrar uma organização desestruturada do ponto de vista familiar, no tecido social e económico, situações provocadas pela Covid -19.

Apesar dos problemas, a dirigente precisou que Luzia Van-Dúnem, através da experiência acumulada na OMA, por via dos programas direccionados à mulher e à família, vai desenvolver projectos em favor das mulheres africanas.

Enquanto organização parceira do Estado, a ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina Alves, afirmou que o Governo vai continuar a apoiar a OPM pela importância das acções que tem desenvolvido no contexto político e social na região.

A secretária regional da OPM recebeu o testemunho da vice-presidente cessante, Carolina Cerqueira, que assumiu o cargo durante 12 anos.

Luzia Van-Dúnem foi eleita no X Congresso da organização OPM, decorrido em Fevereiro último, na capital Namibiana (Windhoek).

A OPM criada com o objectivo de discutir o papel da mulher na reconstrução de África, no combate à propagação da Sida, do analfabetismo, da promoção da paz e da democracia.

Assuntos Eleições  

Leia também
  • 23/06/2020 16:09:42

    Comissão Nacional Eleitoral inaugura representação no Uíge

    Uíge - O novo edifício sede da Comissão Provincial Eleitoral (CPE) no Uíge foi inaugurado esta terça-feira, com vista a proporcionar melhores condições de trabalho aos seus funcionários.

  • 18/06/2020 18:57:48

    Comissão Provincial Eleitoral do Bié tem novas instalações

    Cuito - A Comissão Provincial Eleitoral (CPE) no Bié conta, desde hoje, com instalações próprias, inauguradas no município do Cuito pelo Presidente da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), Manuel Pereira da Silva.

  • 11/06/2020 15:27:49

    Falta de verba condiciona regulamento dos órgãos locais da CNE

    Luanda - A falta de verbas, devido à situação económica e financeira que o país atravessa, está a condicionar a implementação do novo regulamento sobre o funcionamento dos órgãos locais da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), aprovado em Janeiro último, informou hoje, em Luanda, o porta-voz do órgão, Lucas Quilundo.