Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

17 Dezembro de 2019 | 17h22 - Actualizado em 17 Dezembro de 2019 | 18h53

FAA destaca participação do Exército em missões de paz

Cabinda - A participação de efectivos do Exército nacional em missões de manutenção da paz e segurança, no quadro das organizações continentais e internacionais das quais Angola faz parte, mereceu, nesta terça-feira, uma referência do Chefe do Estado Maior Adjunto das Forças Armadas Angolanas (FAA) para Educação Patriótica, João António Santana "Lungu".

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

General João António Santana, Chefe do Estado Maior General Adjunto das FAA para Educação Patriótica

Foto: Francisco Miudo

Exército Nacional firme na defesa da inviolabilidade das fronteira terrestre

Foto: Angop

Segundo o oficial general, que falava no acto central do 17 de Dezembro, dia da criação do Exército, a participação nas missões internacionais espelha o nível de organização das brigadas e unidades deste ramo das FAA.

Na 12ª Brigada de Infantaria na localidade de Chivovo, comuna de Dinge, município de Cacongo, João António Santana “Lungu” referiu que o potencial técnico e humano que o Exército ostenta funciona como um meio de dissuasão.

O oficial general, que falava em representação do Chefe do Estado Maior General das FAA, Egídio de Sousa, destacou a importância da aliança entre a tropa e a população, que já resultou em conquistas memoráveis para o país.

O Exército, prosseguiu, como maior componente militar das FAA tem também a missão de contribuir na moralização da sociedade.

Para o 2º comandante do Exército Nacional, Jack Raul, os 28 anos deste ramo das FAA comemora-se num momento de rejuvenescimento e de continua prontidão operacional.

Cuando Cubango

A propósito da data, o governador da província do Cuando Cubango, Júlio Bessa, defendeu um maior envolvimento dos efectivos do Exército no combate aos crimes transfronteiriços, ao contrabando de madeira, drogas, pedras preciosas e da caça furtiva.

O governador sublinhou que os crimes económicos nas fronteiras com a Zâmbia, na faixa leste, e Namíbia, na faixa sul do Cuando Cubango, afectam negativamente o desenvolvimento do país, e da província.

Já o 2º comandante da 5ª Divisão de Infantaria da Região Militar Sul, brigadeiro Abílio Sambalanda, disse que a comemoração da data constitui motivo de alegria e de profunda reflexão dada a trajectória histórica deste ramo das FAA.

Moxico

O 2º comandante da Região Militar Leste (RML), brigadeiro António Jorge dos Santos Luís “Tojo”, afirmou no Luena, província do Moxico, que as FAA devem pautar pela organização e disciplina, afim de corresponderem com as expectativas do país.

Por seu turno, a comandante do pelotão de mulheres da RML, tenente Rosa Tchipumba, referiu que as mulheres vêm demonstrando empenho nos diferentes sectores da vida, sobretudo nas FAA.

O Exército foi institucionalizado em 1991, fruto dos acordos de Bicesse (Portugal), assinados entre o Governo de Angola e a UNITA, a 31 de Maio do mesmo ano. É o ramo das FAA que abarca o maior número de efectivo.

Leia também
  • 13/12/2019 06:25:00

    Assegurada assistência aos reclusos em Menongue

    Menongue - A assistência médica e medicamentosa e alimentar diária dos 632 reclusos, dos quais 300 condenados e 362 detidos, nos Serviços Penitenciários de Menongue, na província do Cuando Cubango, está assegurada, informou quinta-feira, o director da instituição, Paulino Mande.

  • 07/12/2019 14:49:33

    MPLA privilegia marketing político nas redes sociais

    Ndalatando - O MPLA, partido no poder em Angola, vai investir na formação contínua dos seus militantes para o uso correcto das redes sociais e reforço do marketing político pela via digital, visando adequar a actividade partidária ao contexto da globalização e uso das novas tecnologias, destacou a sua Vice-presidente, Luísa Damião.

  • 05/12/2019 17:26:13

    Sedes da PGR no Belize e Buco Zau serão reabilitadas

    Cabinda - As infra-estruturas da Procuradoria-Geral da República (PGR) dos municípios de Belize e Buco-Zau vão beneficiar, em 2020, de obras de reabilitação, com vista a garantir o bom funcionamento da justiça nessas duas circunscrições do interior da província de Cabinda.