Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Política

19 Novembro de 2019 | 16h13 - Actualizado em 19 Novembro de 2019 | 16h25

PR aborda cooperação com embaixador russo

Luanda - O Presidente da República, João Lourenço, abordou nesta terça-feira, em Luanda, com o embaixador da Federação Russa, Vladimir Tararov, questões ligadas ao incremento da cooperação nos domínios mineiro, industrial, financeiro e turístico.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Embaixador da Rússia em Angola, Vladimir Tararov

Foto: Pedro Parente

Presidente da República, João Lourenço (à dir.), com o embaixador Vladimir Tararov

Foto: Pedro Parente

Em declarações à imprensa, no final de uma audiência no Palácio Presidencial, em Luanda, o diplomata russo informou que está prevista uma visita de 18 empresários da Rússia, para identificar oportunidades de negócios em Angola.

Segundo Vladimir Tararov, ainda não foi estabelecida uma data para a visita, mas espera que a delegação empresarial russa contribua para o incremento da cooperação nos domínios dos petróleos, extracção de mineiros e formação de quadros.

Em relação ao incremento da cooperação, ressaltou que o Presidente da República, João Lourenço, considerou a ideia “muito útil para as relações bilaterais”, com grande realce para o agro-negócio.

Vladimir Tararov informou que prosseguem os esforços para efectivação dos acordos de geminação entre a República russa de Saha Yakutia com a província da Lunda Sul (Angola).

O diplomata russo agradeceu a participação do Chefe de Estado angolano, João Lourenço, na primeira Cimeira Rússia-África, realizada na cidade de Sochi, de 23 a 24 de Outubro deste ano.

Na cidade russa de Sochi, o Estadista angolano manteve encontros com várias entidades na busca de parcerias económicas.

Histórico dos acordos

Angola e a Rússia têm relações privilegiadas desde 8 de Outubro de 1976, data em que foi assinado o Tratado de Amizade e Cooperação, em Moscovo, na então URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas).

A 16 de Novembro de 2004, os dois países rubricam, em Luanda, um acordo para o relançamento da cooperação nos domínios económico e técnico-científico.

No dia seguinte (17 de Novembro de 2004), criaram a comissão inter-governamental de cooperação económica, técnico-científica e comercial.

Os sectores da energia, geologia e minas, pescas, finanças e banca, formação de quadros, defesa e segurança, telecomunicações e tecnologias de informação, ensino superior, transportes, dominam as áreas de cooperação, actualmente.

As autoridades angolanas estimam que vivam, actualmente, em Angola mil russos, enquanto na Rússia residem mil e 500 angolanos.

Leia também
  • 19/11/2019 16:21:51

    OGE aloca mais dinheiro para o sector social

    Luanda - O sector social vai beneficiar de uma cifra que ascende aos dois biliões e 300 mil milhões de kwanzas, no quadro do Orçamento Geral do Estado (OGE) 2020, um valor correspondente a 38 por cento da despesa fiscal, cerca de 19 por cento mais do que no ano em curso.

  • 19/11/2019 00:20:02

    Síntese das principais notícias

    Luanda - A Agência Angola Press, Angop E.P, incluiu na sua emissão das últimas 24 horas, entre outros, os seguintes assuntos:

  • 18/11/2019 18:23:10

    Morre activista Carbono Casimiro

    Luanda - O activista angolano Dionísio Gonçalves Casimiro "Carbono" morreu nesta segunda-feira (18), na Clínica Girassol, em Luanda, vítima de doença.