Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

09 Outubro de 2019 | 15h19 - Actualizado em 09 Outubro de 2019 | 17h51

Holanda inicia investigação do papel da Ucrânia na tragédia do MH17

Amesterdão - O deputado holandês e porta-voz designado para a investigação do acidente do voo MH17, Chris van Dam, anunciou que os Países Baixos iniciaram mais uma investigação dos eventos trágicos de Julho de 2014.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeira da Holanda

Foto: Divulgação

O deputado holandês, Chris van Dam, anunciou na terça-feira que o país está a iniciar uma investigação que vai analisar o papel da Ucrânia durante o acidente aéreo do voo MH17.

Chris van Dam afirmou que os deputados votaram por unanimidade a favor da investigação das acções da Ucrânia em Julho de 2014. A nova investigação pretende descobrir porque Kiev não ordenou o encerramento do espaço aéreo do país sobre a região de Donbass durante os confrontos violentos na parte leste da Ucrânia.

Na semana passada, Chris van Dam disse ao canal RTL que "a importância de uma investigação completa do encerramento do espaço aéreo sobre o leste da Ucrânia é sobre mais do que apenas a responsabilidade do Estado".

Em 2015, o Conselho de Segurança holandês determinou que havia razões suficientes para Kiev fechar o espaço aéreo sobre a zona de confrontos activos no leste do país.

Um Boeing 777 da Malaysia Airlines, que sobrevoava de Amesterdão a Kuala Lumpur, foi abatido a 17 de Julho de 2014 em Donetsk, no leste da Ucrânia. Havia 298 pessoas a bordo, sendo a maioria delas cidadãos holandeses, todas morreram.

Kiev acusou os militares do leste do país pela tragédia. Entretanto, estes indicaram que não tinham armas capazes de derrubar um avião a essa altitude.

Assuntos Acidentes   Internacional  

Leia também