Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

17 Outubro de 2020 | 21h39 - Actualizado em 17 Outubro de 2020 | 22h13

Luanda e Bengo sofrem restrições de energia

Luanda - Os municípios de Viana, Cazenga, Cacuaco e Luanda (capital do país), bem como do Panguila, Bengo, ficarão sem energia das 08h00 às 15h00 de domingo, devido a trabalhos de ampliação, modernização e manutenção na subestação de 400/220/60 KV de Viana.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Subestação de Energia

Foto: Joaquim Tomás

O corte nos municípios de Cacuaco, Cazenga e Viana será feito em todas as extensões e arredores, enquanto no município de Luanda abrangerá os distritos Urbanos do Sambizanga (Bairros Sambizanga, Boavista, Uíge, Sonangol, Nguanhã e arredores), da Maianga (Bairros Maianga, Cassenda, Rocha Pinto, Kassequel, Mártires do Kifangondo e arredores), Ingombota (Bairros Ingombota, Mutamba e arredores) e do Rangel (Bairros Rangel, Marçal e arredores).

Conforme uma nota da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE), chegada à Angop, no Bengo a interrupção será em toda a extensão do bairro Panguila.

Com o mesmo objectivo, a Rede Nacional de Transporte (RNT) interrompeu hoje o fornecimento de energia ao município de Belas, com realce para o Bairro Ramiros, Museu da Escravatura e arredores, segundo a mesma nota da empresa pública.

No quadro deste programa de ampliação e modernização da Subestação de Viana, uma das principais receptora da energia produzida pelas barragens de Cambambe, Capanda e Laúca, na segunda-feira, a RNT vai interromper o fornecimento ao município do Kilamba Kiaxi, parte da Urbanização Nova, das 8h00 às 15h00. 

A ENDE apela à compreensão pelos eventuais transtornos resultantes desta operação, e informa que os trabalhos visam garantir maior capacidade de oferta, qualidade e fiabilidade na distribuição de electricidade em todo o país. 

Assuntos Energia  

Leia também
  • 15/10/2020 15:39:18

    Barragem do Luachimo começa a gerar energia em 2021

    Dundo - A barragem hidroeléctrica do Luachimo, na província da Lunda Norte, cujas obras de ampliação estão em curso desde Fevereiro de 2016, começa a gerar energia eléctrica a partir do primeiro semestre de 2021.

  • 26/08/2020 16:51:43

    Dívida de clientes à ENDE chega a AKz 140 mil milhões

    Luanda - A dívida acumulada pelos clientes da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) passou, desde o final de 2019 até a presente data, de AKz 112 mil milhões para AKz 140,7 mil milhões (235 milhões e 728 mil dólares), um aumento no incumprimento de 27 %, informou hoje o seu director comercial.

  • 22/08/2020 11:41:55

    Energia de Laúca estimula indústria transformadora

    Caluquembe - O projecto de interligação eléctrica entre o centro e sul do país, passando pelo município de Caluquembe, através do Huambo, vai estimular a implantação da indústria transformadora na região, que absorverá a produção agrícola, considerou hoje o administrador da circunscrição, José Nataniel.