Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Novembro de 2019 | 17h01 - Actualizado em 18 Novembro de 2019 | 07h57

Mac Steel pode investir em energia na província do Moxico

Luena - A empresa de aço sul africana "Mac Steel" vai realizar um estudo de viabilidade, para a construção de uma barragem hidroeléctrica na província do Moxico, anunciou hoje, no Luena, o conselheiro económico da embaixada da África do Sul, em Angola, Meshack Mathye,

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Moxico: Conselheiro Económico da embaixada Sul Africano em Angola, Meshack Mathye

Foto: kinda kyungu

Sem precisar a data do início do estudo e valores a dispender, o conselheiro que falava à imprensa no final de encontros com membros do governo local, referiu que o projecto se enquadra na estratégia de Desenvolvimento da Comunidade da África Austral (SADC).

Para tal, Meshack Mathye referiu que o governo do Moxico deverá enviar nos próximos dias para a embaixada da Africana do Sul, informações adicionais sobre os meios necessários e o tipo de parceria a ser firmado (público ou privada).

Apontou que os empreiteiros sul-africanos querem aproveitar a capacidade de recursos hídricos existente na região para alavancar o sector eléctrico e agrícola.

No domínio agro-pecuário, indicou que os empresários do seu país tencionam contribuir com a produção de milho, soja e a criação de diversos animais.

O conselheiro prometeu enviar um relatório com as devidas informações sobre as potencialidades desta região aos fazendeiros sul-africanos, para avaliarem as possibilidades de investimento.

O diplomata que visitou o Moxico, com objectivo de encorajar a cooperação entre os dois países, em termos de negócios e investimentos, ressaltou o potencial de recursos minerais da província, com realce para os diamantes, cobre e ouro.

Leia também
  • 16/11/2019 20:42:09

    Atraso de verbas inviabiliza obras da centralidade de Malanje

    Malanje - Os atrasos na disponibilização de verbas por parte do Ministério do Urbanismo e Habitação para a empresa Ingenium, estão a condicionar o andamento normal das obras da centralidade de Malanje.

  • 16/11/2019 19:54:49

    Instituto aposta na modernização dos serviços de construção civil

    Luanda - O instituto regulador da Construção Civil e Obras Públicas (IRCCOP) está a apostar na modernização, desburocratização e simplificação dos serviços, para melhor servir os cidadãos e agentes económicos, disse neste sábado, em Luanda, o director-geral adjunto, Baltazar de Oliveira.

  • 16/11/2019 19:36:46

    Angola: Empreendedorismo feminino fomenta turismo e gera receita

    Luanda - O empreendedorismo feminino fomenta o turismo e gera receitas para o país por via do investimento privado, tornando favorável o bom ambiente de negócios, afirmou hoje (sábado), o director nacional de requalificação de infra-estruturas e produtos turísticos, Afonso Vita.

  • 16/11/2019 16:49:35

    Malanje: Governador apela implementação da agro-indústria

    Malanje - O governador de Malanje, Norberto dos Santos "Kwata Kanawa", defendeu nesta sexta-feira, na Localidade da Damba, província de Malanje, a necessidade da implementação da agro-pecuária e indústria no sector prisional.