Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Desporto

13 Dezembro de 2019 | 01h42 - Actualizado em 13 Dezembro de 2019 | 10h04

Xadrez/Adaptado: África consente nova derrota no mundial

Luanda - A selecção africana voltou a perder está quinta-feira no Campeonato do Mundo de Xadrez para atletas deficientes, desta feita diante do continente americano, por 2,5-3,5.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

xadrezista Eugênio Campos

Foto: Cedida

Na mesma jornada da prova, que decorre na Turquia, os europeus derrotaram os asiáticos, por 4-2. O Misto de jogadores da Rússia e Turquia descansou.

Sexta-feira disputa-se a última ronda com os encontros: África - Europa e Misto da Rússia/Turquia - América. A Ásia descansa por força de calendário.

Este é o primeiro mundial para atletas deficientes (visuais, auditivos e motores) organizado pela Federação Internacional de Xadrez (FIDE), disputado por quatro continentes mais o misto da Rússia/Turquia.

A prova serve de antecâmara para a 1ª edição dos jogos paralímpicos de xadrez, em 2020.

Liderada pelo Mestre Internacional angolano Eugénio Campos (Elo de 2259), completam a selecção africana os egípcios Mohamed Zabeib (2115) e Helmy Mohamed (1876), o marroquino Messala Jamal (1982), o tunisino Khabou Taha (1408) e o zambinao Kadilamwando Tambuzhai (1000).

A competição está a ser disputada no sistema de todos contra todos a uma volta.

CLASSIFICAÇÃO:

1º Europa – 12 pontos
2º Ásia – 12
3º Rússia/Turquia - 9  
4º América – 8,5
5º África – 6,5
 

Assuntos Xadrez  

Leia também